19.1.06

Arte e o urbano


Entre o grafismo e a pichação existem diferenças essenciais. O primeiro surgiu a partir de grupos ligados a arte: poetas, estudantes de arquitetura e de desenhos, dos quais a repressão dos anos 70 tirou o canal de expressão. A simples pichação, por sua vez, é um processo anárquico de criação, onde é mais importante transgredir, do que manifestar um processo criador. Com uma estética que busca o rabisco, o sujo, agride os padrões da cultura, transgredindo o estabelecido, o bem feito. Dando preferência aos lugares sacralizados - igreja, escolas, monumentos públicos -, busca chamar atenção para o autor ou para sua mensagem. Seus autores, geralmente, são jovens da periferia das grandes cidades. ("Grafite Pichação & Cia." - Celia Maria Antonacci Ramos - Editora Anablume - São Paulo - 1994).


ARTE E BANDIDAGEM
O grafite mostra um veículo das Rondas Ostensivas Tobias Aguiar (Rota) capotada e um grupo de PMs, cobertos de sangue, sendo baleados por bandidos, um deles usando um boné com as iniciais MDS (Morro do Samba). Segundo a polícia, o grafite teria sido pintado a mando de um traficante chamado José Dilson, o Birosca, ligado ao Primeiro Comando da Capital (PCC). Mesmo preso em Mirandópolis, no interior de São Paulo, ele continuaria a comandar o tráfico em vários pontos da Grande São Paulo.

6 comentários:

Jean Scharlau disse...

É a diferença, bem expressa pela arte, entre o ambiente onde a distribuição de renda é equitativa-civilizada e onde não é, exatamente como no caso de mortes por arma de fogo - nos países civilizados (não digo ricos, pois o Brasil é rico)morrem e matam dessa forma apenas um por cento do que aqui, para o mesmo número de população. Segundo o IBGE ou FGV, não lembro agora, a desigualdade média de renda no Brasil caiu de 18 para 15 vezes de 2003 a meados de 2005.

Jean Scharlau disse...

Cara(o) Toque, faço questão de responder pessoalmente aos comentários, portanto...

Jean Scharlau disse...
Cara(o) Toque - estão fazendo esta falcatrua falcatrua falcatrua agora - divulgar amplamente os prós e contras dos últimos 10 anos.
Só que o PT está no governo há 3 anos. Os sete restantes são o troco do PSDB-PFL e quetais (e o troco, excepcionalmente, foi maior que o pagamento) - tem muita gente que se fazia passar por bonzinho, escondendo em rádios, televisões e jornais o que estava acontecendo, fossem eles políticos ou jornalistas, eram na verdade ladrões de grande butim, é o que ainda são e o pior - estão a falar ao seu ouvido, todos os dias, nesses mesmos aparelhos que tanto doimnam...
Obrigado pela visita
Grande abraço

Gorda disse...

Lindo o seu blog! Denso e lindo!

Marcos disse...

Caro toque:

Thnaks pela visita e comentário, a Santa realmente parece ser uma referênica de todos..ainda bem para nós, quanto aos ataques à policia em São Paulo, ainda temos que aguentar o secretário de segurança vir ao rádio dizer que os bandidos atacam porquê estão com medo, não seria o contrário atacam para intimidar??

Abçs

Marcos
www.gotasdefel.blig.ig.com.br
www.vinhoto.blig.ig.com.br
www.contosdefel.blig.ig.com.br

Serjão disse...

Legal. Vc e A Santa sempre a nos fornecer lições de arte. Um abraço

César disse...

Belo.